sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Eu não ia reclamar se você chegasse assim de surpresa, como quem não quer nada, com olhar de quem quer tudo. Não ia suspirar de maneira escondida, não, ia gritar para os quatro ventos a falta que me faz, ia pular e te abraçar, e não soltar, e me esconder, te esconder, e ali ficar.

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Isso não me tira do sério, ja é normal saber que mais da metade das pessoas pensam assim.

Só porque tens um amor que mora a uma hora e meia de tua casa, ja é motivo de escandalo para os Não Crescidos.

Namorado que mora longe, pra muitas é o mais temido.É temido por falta de confiança.Se é temido não é namorado.Não tem porquê se preocupar.

Namorado que não importa com a distância é raro, esse sim é meu preferido, esse sim é um bom namorado.

Ter um NAMORADO, de qualquer jeito é raro.

Namorado é aquele que pega na sua mão, que te mostra todas as cores do mundo.Que sai correndo e cata uma flor de uma árvore e te da em questão de segundos.

Namorado é o que te conforta nas horas difíceis, que tem toda a calma pra lhe dar com todos os seus problemas.

Namorado é o que senta na cama do teu lado, pensando no que fazer pra matar o tédio.É o que te empurra pra fazer consquinhas, te machuca sem querer, da um beijinho com carinho e sara rapidinho.

É o que canta todas as músicas do seu computador contigo, em plena uma hora da manhã.

E se ja transa é com carinho, nada de fazer rapidinho. É com amor, sensibilidade, é com ternura, é com vontade.

Namorado é o que vive rindo de você quando está na tpm..é o que mais tem de te aguentar.

Namoradão, namoradinho não. É namorado.

Namorado é o que briga com precisão, que te implora pra fazer tudo pro seu próprio bem.

Namorado é pra se ter juntinho, de longe ou de pertinho.Vai ser sempre fisícamente ou no coração, porque nunca é esquecido.

Namorado é aquele que te abraça e logo você ja sente a maior proteção.

Não existe mesmo namorado que não coloque sua parte criança pra fora, e sai se pendurando em tudo com sua amada, que sai correndo atraz de você, que te chama pra uma briga de travesseiro, faz acampamento de coberto, e acaba dizendo que quer ter uma armadura super bem feita.

Namorado é aquele que tem uma música sua e dele, que te indica livros, e guarda as coisas mais importantes pra te mostrar depois.

Namorado é aquele que dorme agarradinho, que quando acorda te enche de beijinhos, e mesmo estando com a cara inchada te chama de linda..a mais linda.

Não tem namorado que não goste de dizer sobre você, nem que sinta só um pouco de ciumes.Ciuminho, ciumão, não existe namorado sem um pouco disso.

Não existe namorado sem apego, sem saudade, sem lembranças, sem felicidade, sem compartilhação.

Comer rindo, cantar tudo embaralhado, tentar fazer comida, jogar guitar hero, olhar minutos e se sentir cheio, olhar mais horas e se lembrar que é completo, olhar por inteiro e se sentir agradecido.Revistas, café, computador..não existe namorado ao contrario, tem que ter o mesmo gosto, mais da metade.

Sonhos, Londres, ainda tem que ter um pouco de medo dos sogros, e consideração.

Não existe namorado sem amor.

Namorado é o que limpa sua alma, o que te faz esquecer das coisas tristes, é o que te renova..namorado é namorado.

Não é paixonite, não é paquera.

Não é o que fica preso nisso, que só pega e vai embora.

Namorado é pra ter época só pra se gostar, é pra se ter etapas, e chegar a ser namorado.

Não existe um casal de verdade sem um pouco de loucura na cabeça.Pra se namorar, só se for louco.

Ter namorado é difícil, mas é gostoso.

Então seja louco, de longe, de perto..seja louco de amor.

O que mais você quer ?

“… Quero uma primeira vez outra vez . Um primeiro beijo em alguém que ainda não conheço , uma primeira caminhada por uma nova cidade , uma primeira estréia em algo que nunca fiz , quero seguir desfazendo as virgindades que ainda carrego, quero ter sensações inéditas até o fim dos meus dias … “

( Trecho retirado da crônica O que mais você quer ? - Martha Medeiros )

“Até Santo Agostinho, que foi santo, uma vez se rebelou e disse uma frase mais ou menos assim: ‘Deus, dai-me continência e castidade, mas não agora’… Nós, que não aspiramos à santidade e estamos aqui de passagem, podemos (devemos?) desejar vários pedaços de pudim, bombons de muitos sabores, vários beijos bem dados, a água batendo sem pressa no corpo, o coração saciado. Um dia a gente cria juízo. Um dia. Não tem que ser agora.

Martha Medeiros.

Eu não preciso de ninguém que não queira estar comigo.

- Gossip Girl

Francisco:Eu te amo

Thomas:Por que você me ama ?

Francisco:Eu te amo por que você é meu,te amo por que você precisa de amor,te amo por que quando você me olha eu me sinto um herói e sempre foi assim,te amo por que quando eu te toco eu me sinto mais homem do qualquer outro.

Thomas: Eu também te amo.

Francisco: E por você me ama?

Thomas:Eu te amo por que quando eu te toco eu te faço sentir mais homem do que qualquer outro,eu te amo por que nunca poderão nos acusar de amor,eu te amo por que pra entender o nosso amor é preciso virar o mundo de cabeça pra baixo.Eu te amo por que você poderia amar qualquer outra pessoa,mas mesmo assim você me ama.Só a mim.

Francisco: Só você.

Thomas:Só você.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

''… E, mesmo assim, estarei sempre pronta para esquecer aqueles que me levaram a um abismo. E mais uma vez amarei. E mais uma vez direi que nunca amei tanto em toda a minha vida.''

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

O Ato de tatuar a própria pele era uma transformadora declaração de poder, um anúncio ao mundo: EU TENHO CONTROLE SOBRE A MINHA PRÓPRIA CARNE.

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

E há sempre alguém que vai amar aquilo que não é domado em você.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Agora tô vivendo um desses momentos, em que preferiria não ter sentimentos , ser fria e calculista. Amar dói, por mais que pareça que não, mas dói, principalmente quando se ama mais , quando se busca uma chance de mostrar isso e não lhe é concedida e dói ainda mais o não poder fazer nada sobre isso, as mãos ficam atadas, dependentes do outro, e isso dói, dilacera, machuca, me mata.

Você é o que você lembra. Você é a saudade que sente. Você é a raiva de não ter alcançado. Você é o que ninguém vê.

Martha Medeiros

A verdade é que me apego muito rápido, muito fácil, muito desapercebido. Considero um defeito, um total descontrole de mim para com eu mesma, uma disparidade.

Jéssica B.

"Cuidado com as pessoas. Elas não falam tudo o que pensam e nem sempre sentem tudo o que falam."